Buscar
  • Ulisses Minotti

Vídeo é o formato mais importante do marketing na era dos millennials



O e-mail marketing ainda é muito usado pelas empresas para captar leads, mas estamos na era dos millennials (pessoas nascidas entre o início da década de 80 e o meio da década de 90), a geração do mobile. O meio com que as pessoas se conectam ao mundo migrou para o smartphone, então o formato do conteúdo que consomem precisa estar na internet, ser rápido e trazer comodidade, como os vídeos.

Segundo o Think with Google, já são 84% os brasileiros que usam o smartphone para assistir a vídeos online. Invariavelmente essa grande maioria da população se depara com os anúncios, tanto no YouTube, quanto nas redes sociais. Porém a ideia de que a propaganda deveria aparecer para o maior número de pessoas possível perdeu força. Hoje o importante é que ela impacte a pessoa certa e isso é possível fazendo campanhas bem segmentadas para, assim, captar novos leads.

Veja também:

Como captar leads para sua empresa com vídeo

Como redes sociais ajudam sua empresa na nova jornada do consumidor

A segmentação de uma campanha não se limita a dados como idade, sexo e renda do público-alvo. O mais eficiente para a captação de novos leads é analisar o comportamento dos consumidores na internet, pesquisando suas últimas compras, os aplicativos que usam e até o que buscam no Google Maps.

Essa estratégia foi utilizada pelo Groupon e fez a empresa conquistar mais de 160 mil clientes só neste ano.

Segmentação

Em entrevista ao Google, Rich Williams, CEO do Groupon, disse que a marca está muito mais orientada para o vídeo. Em 2011, conteúdos audiovisuais eram apenas um nicho e, atualmente, são as estrelas do marketing digital da empresa, que, com a segmentação, agora consegue levar soluções personalizadas a seus diferentes públicos-alvo.

Veja também:

5 motivos para fazer Marketing Digital em vídeo

Para isso, primeiro o Groupon analisou quais eram as pesquisas dos consumidores no Google e no Maps. Depois fez uma segmentação por meio do Consumer Patterns, do YouTube. Contudo você pode segmentar seu público-alvo com o Google Analytics também.

Por exemplo, se sua empresa trabalha com o mercado da beleza, com o Consumer Patterns e o Analytics, você pode direcionar seus anúncios em vídeo para consumidores que pesquisaram sobre temas como microesfoliação. Dessa forma, há uma maior probabilidade de você captar leads, pois a publicidade não segmentada corre o risco de não chegar ao seu público-alvo.

Após a segmentação, é preciso fazer anúncios contextualmente relevantes para esse público-alvo que foi encontrado. Até porque, assistir ou não a um vídeo é escolha do consumidor, que pode pular anúncios e procura apenas conteúdos que lhe interessem na internet. Ainda de acordo com o Think with Google, 83% das pessoas veem na web o que não está disponível na televisão. Ou seja, se a propaganda na TV é uma metralhadora que atira para todos os lados e não tem controle sobre seu alvo, segmentar anúncios é atirar com precisão.

Por isso, deixe a produção de vídeos com conteúdos contextualmente relevantes da sua empresa conosco!

Quer receber semanalmente promoções, conteúdos e dicas relevantes? Inscreva-se em nossa lista.

#marketingdigital #marketingemvideo #videomarketing #videomarketingempresa

94 visualizações
Entre em Contato

+55 (11) 98570-6421

contato@benditafilmes.com

 

Rua Arnaldo Alvernaz Nunes, 01

São Paulo, SP | CEP 02969100

Funcionamento
  • blog produtora video bendita filmes
  • facebook produtora video bendita
  • google plus agencia publicidade
  • youtube produtora video bendita

Segunda a Sexta

9h-19h

© 2023 por Bendita Filmes